NEGÓCIOS NA TERRA, NÃO NO CÉU

Image

ABRAHAM SHAPIRO para o Portal Profissão Atitude

“Quais produtos ou serviços vou oferecer hoje?”

“Para quem?”

Vendedores profissionais não param de pensar assim. E sabem que não será possível agradar a todos. Deixar todo mundo contente é esquizofrenia. 

E você? Já sabe disso?

Há dois tipos de vendedores que se deve evitar:

O primeiro é aquele que quer fazer a venda pela venda e não avalia itens de qualidade, como: o tipo de serviço a ser prestado, a margem de lucro a ser garantida na transação, os riscos na concessão de crédito e prazos. A pergunta é: “Por que este vendedor age assim?” Resposta: ele só quer ganhar comissão. Não lhe fale sobre responsabilidade,  cuidados e satisfação às necessidades do cliente, pois em sua mente isto é problema da empresa que ele representa, e não seu.

Evite também o vendedor que confunde atendimento com "vale tudo para fazer o cliente comprar". Não estou falando de persistência.  Se for preciso, ele fará o cliente comprar até o que não precisa. E o resultado será: o cliente nunca mais volta oara comprar. Recompra – que é o maior objetivo de qualquer empresa – jamais acontecerá.

Superar a concorrência com o melhor atendimento possível é um mérito fabuloso.  O cliente fica satisfeito de verdadeiro.  Mas a partir do instante em que você quiser ‘agradá-lo’ de todas as formas, o limite será o céu! E me parece que só vai para o céu quem já morreu.

Entendeu o recado? 

Compartilhe esta publicação: