O COMBUSTÍVEL DE QUALQUER NEGÓCIO OU CARREIRA

Image

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

A empresa familiar ensina  coisas extraordinárias.

O pai ou o avô pobre sonhou, um dia, com um negócio. Lutou e implantou-o com sacrifício. Depois, ‘suou sangue’ para melhorá-lo a fim de conquistar mercado com qualidade, até que, como efeito do trabalho duro, a marca tornou-se conhecida e a preferência de uma fatia dos consumidores. Como consequência natural, isto se converteu em fonte de riqueza.

Quando seus herdeiros assumem, geralmente sabem pouco sobre o esforço que o fundador investiu e  muito menos sobre o combustível que fez este empreendimento tornar-se grande e importante.  Eles olham. E o que veem? Apenas uma máquina de produzir dinheiro deixada pelo pai – modelo um tanto diferente de um caixa eletrônico de banco.

Seus representantes comerciais – que no começo chegaram como amigos –, os clientes – antes fidelizados mediante benefícios verdadeiros –, os fornecedores – antigos parceiros de horas difícieis –,agora são partes substituíveis de uma relação fria, interesseira e indiferente. 

A pergunta é “Por quê?”

E a única resposta: “Não existe mais  paixão!” 

Paixão é o que construiu tudo.  Ela foi a motivação, o combustível e, por isso, a energia vital. Se ela se foi, o que ficou é apenas carcaça de um corpo sem alma.

Se você se identifica com algo desse texto, pense na paixão. Sinta paixão pelo seu trabalho. Sem paixão talvez você até ganhe muito dinheiro.  Mas certamente será um ganho sem sabor, sem lastro,  sem sentido. E o pior...  sem valor genuíno!

 

ACESSE: http://www.profissaoatitude.com.br/blog 

 

Compartilhe esta publicação: