Image

FIDELIDADE OU LEALDADE?

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Você prefere clientes fiéis ou leais?

Ouvi um ‘professorzinho’ de marketing muito mal preparado tentar responder à pergunta e embaraçar-se por ignorar o significado das duas palavras. Ele tentou deduzir a resposta, mas só confundiu o público. Aproveito aqui para dar uma dica: conhecer o sentido das expressões é uma ajuda efetiva em todas as ocasiões da vida.

Na relação conjugal, ser fiel significa simplesmente não substituir o ser amado por outro, ou não trair o cônjuge.

Nos negócios, olhemos para aquele cliente que entrou pela primeira vez na sua loja e saiu de lá tendo vivido uma experiência satisfatória de compra: encontrou o que queria, pagou preço justo e foi bem atendido. Esta experiência tende a trazê-lo para comprar novamente. Caso ocorra, começou o processo de fidelização. O problema é que a nova experiência de compra deverá ser igual ou superior à primeira. Preço mais alto, atendimento menos criterioso, falta de produto ou atraso na entrega põe o processo em alto risco.

A lealdade é o estado evoluído da fidalidade. Não se cumpre por obrigação, mas por preferência convicta. O cliente leal é o mais precioso que qualquer negócio pode ter.  Ele é um promotor espontâneo, um defensor da marca ou serviço.

Como fidelizar? Surpreender positivamente, oferecer atendimento ágil, objetivo, dotado de conhecimento de causa e efeito são itens fundamentais.  Outras atitudes poderosas são: venda de valor ou por benefício, produtos exclusivos, condições de pagamento e análise de crédito com burocracia mínima e máximo ganho de tempo, entrega no prazo – quando não antes mesmo do combinado –, clareza nos processos, agilidade e cordialidade nas regras de troca de mercadorias são algumas atitudes poderosas.

Não é possível saber o momento em que o cliente fiel se torna leal devido aos diferentes níveis de satisfação, rigor e tolerância entre as pessoas. Assim, enquanto o fiel não tolera o menor erro que porventura a sua empresa ou funcionário cometer, o leal é uma ‘ajuda’ com que você pode contar sempre, ainda que existam falhas.

Agora estou certo de que você saberá responder: “Você prefere clientes fiéis ou leais?” 

Ler Mais

Image

VOCÊ DECIDE O 'RECHEIO' DA SUA VIDA

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Numa visita de rotina, o presidente da companhia chega ao setor de produção e pergunta para o encarregado: 

- Quantos funcionários estão trabalhando neste setor? 

Ele pensa por alguns segundos e responde: 

- Trabalhando? Mais ou menos a metade do pessoal que o senhor vê aqui.

Isto é a realidade de muitas empresas. 

Eu vi os funcionários trabalhando na obra de uma rodovia. Um escavava o chão e outros cinco olhavam. Enquanto uns são comprometidos e têm foco, vários só expressam descaso. E com as mídias sociais no celular a coisa piorou. Quase tudo dispersa a atenção. 

Um dos inimigos do foco no trabalho é a reclamação. Reclamar é um mal que se torna vício, além de ser a principal razão da baixa produtividade geral.

Há um caso curioso sobre isso. 

Um pedreiro sempre reclamava do sanduíche que trazia em sua lancheira. Ele o desembrulhava e dizia: “Detesto sanduíche de mortadela”. Certo dia, seu colega sugeriu que ele dissesse isso a sua mulher. E ele respondeu: “Não vai mudar nada. Sou eu mesmo quem faz o meu sanduíche”.

Reclamar é fácil. Porém, quase sempre somos nós os criadores de situações que nos causam dor. Nós preparamos o nosso próprio sanduíche. Portanto, mudar o recheio está sob a nossa decisão... e jamais na reclamação!

Ler Mais

Image

A GRATIDÃO FAZ MILAGRES

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude


Outro dia, ouvi um gerente conversando com outro sobre o diretor da empresa. Ele dizia: 

- “Aqui o negócio funciona assim: se você cumpre a sua obrigação ou vai além do que esperam, não faz a menor diferença. Esse patrão não tem consideração nem pela própria mãe! Ele grita com ela na frente de todo mundo”.

Fiquei indignado. Mas conhecendo o tal patrão, eu sabia que falavam a verdade. Ele faz questão de ser um chefe tosco que jamais manifesta reconhecimento por ninguém. É grosseiro como uma lixa.

A gratidão e o reconhecimento são duas virtudes que fazem milagres em qualquer relacionamento. Só os grandes seres humanos as possuem.

Não se dá reconhecimento apenas com dinheiro ou prêmios, porém, antes e acima de tudo com palavras sinceras. Mais vale um elogio franco do que presentes.

Faça o teste. Distribua reconhecimento aos que estão à sua volta e mostre a devida gratidão a quem lhe serve. Você verá pessoas dispostas a oferecerem seu sangue, suor e lágrimas pela sua causa.

Ler Mais

Image

SUCESSÃO NÃO FAZ CLONES

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude

Você deu estudo aos seus filhos? Ótimo. 

Comunicou princípios e valores? Excelente. 

Você tem uma empresa e o seu filho está trabalhando nela? Faltam duas ações para que ele se sinta atraído a ser o seu sucessor nos negócios.

A primeira é:  comunicar os seus segredos de negócio a ele. Falo daqueles pontos que talvez você nunca revelaria espontaneamente a alguém: como decidiu e resolveu problemas, escolhas frente aos dilemas, “pulos do gato”, truques para a sobrevivência nos momentos de crise etc.  

A segunda coisa é: permitir que o seu filho o observe de perto, e aprenda com as suas atitudes.

Acontece que você ou qualquer pai neste planeta jamais conseguirá ensinar lições teóricas aos filhos. Mas você e eu os veremos fazer tudo o que eles nos viram fazer.  

Para que o seu filho seja a sua continuidade, com sucesso, deixe-o ver você pensar, decidir, agir, errar e acertar. Certas coisas palavras não conseguem transmitir. Exemplos, sim.

O processo da sucessão empresarial não cria um clone. Mas desenvolve o talento de alguém que deverá subir sobre os ombros de um gigante a fim de olhar um horizonte mais longínquo do que o próprio gigante jamais conseguiu ver.

Ler Mais

Image

SER CONSTANTE

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Existe sucesso guardado e garantido para quem é constante, tem foco e não se desvia de sua  direção e sentido.

Imagine quanta gente está iniciando hoje uma dieta com todo entusiasmo. Quantos começando um programa de condicionamento físico – no ciclismo, numa academia ou num grupo de corrida. 

Pense agora em quantos vão persistir na proposta. 

Eu não sei exatamente. Talvez existam dados estatísticos. Mas posso afirmar sem erro que aqueles que forem constantes, vão alcançar seu ideal.

O que vale mais? Fazer uma hora de caminhada a 10 km/h, três vezes por semana, por  dois ou três meses e depois abandonar? Ou a 5 km/h, três vezes por semana, durante anos sem romper a prática? 

A inconstância  tem feito mais derrotados e falidos no mundo do que todas as crises econômicas de que se tem notícia.

“Devagar e sempre” é a melhor das fórmulas. Sabe por quê? A constância produz experiência. O sujeito vai errar e aprender. Aos poucos, ele se tornará conhecedor profundo daquilo que está fazendo. É isto  que produz ganhos reais. 

Ideias brilhantes fascinam. Mas é sua implantação e manutenção que revelam sua eficácia e benefícios. 

A genialidade pode não produzir frutos. A constância, sim. 

Perseverar é a chave. Tenha foco. Seja constante!

Ler Mais

Image

A HONRA E O RESPEITO NOS NEGÓCIOS

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Você sabia que conceder a devida honra a uma pessoa facilita muito as possibilidades de negócios com ela? É fato. E com a sua permissão, farei algumas poucas considerações sobre honrar e respeitar gente.

É da nossa natureza  assumir que os amigos nos dão menos respeito do que julgamos merecer. Mas trata-se de um grande equívoco.

Geralmente os nossos amigos têm estima e apreço por nós na mesma proporção que lhes temos. Esta é uma fabulosa e confortante verdade. 

Assim, em qualquer relacionamento, a harmonia dependerá sempre muito mais da minha efetividade em honrar  o outro do que de me sentir honrado e respeitado por ele. Quero dizer que o equilíbrio só se alcança mediante  a atitude de conceder o respeito e a honra ao outro  porque, via de regra, ele irá devolver automaticamente, na mesma medida, tudo o que eu lhe dedicar, mesmo que eu tenha a impressão de que não. 

Compartilho a seguir uma importante orientação que, há muitos anos, recebi do meu mestre, da qual demorei-me demais a constatar a profundidade e praticidade. 

“Ponha o seu foco sobre vencer a tendência psicológica negativa de desvalorizar o respeito que os outros lhe concedem, porque certamente isto advém de um engano cuja raiz está em alguma situação particular. Dê honra e não deseje honra, pois os sábios ensinaram que ‘a inveja, a cobiça e o desejo de ser honrado tiram o homem do mundo’.  Entenda  ‘tirar o homem do mundo’ como ‘cegar seus olhos para a realidade’. Isto certamente seria terrível para a vida pessoal e profissional.  Respeite sem jamais se preocupar com o quanto percebe que lhe respeitam. Você viverá mais feliz e fará melhores negócios.” ?

Ler Mais

Image

DO QUE É FEITA A CONFIANÇA

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

A confiança que sentimos pelas pessoas nasce como o resultado da soma de duas importantes características: competência e integridade.

Quando encontramos alguém que desempenha bem determinado papel e mostra ser competente nele, começamos a criar um vínculo de confiança.  Este vínculo se tornará pleno quando percebermos que, além disso, esta pessoa também é íntegra em atuar com valores e princípios que também fazem diferença para nós.

Portanto, podemos dizer que competência e integridade são  as duas dimensões da confiança. 

Daí a razão porque ao confiar em alguém sentimos pré-disposição de não levar em conta qualquer de seus erros de desempenho. No entanto, se ele ou ela cometer o menor deslize ético, o que sentíamos antes acaba de ruir e poderá ser irrecuperável.

Há um pensamento que me inspira e creio que você também irá gostar.  Vem do grande pensador e escritor norte-americano Mark Twain. Ele disse: “Na vida, levando-se em conta todas as circunstâncias, sempre há e haverá muitas razões para duvidar, porém muitíssimo poucos motivos para confiar.” Você e eu sabemos que Mark Twain estava certíssimo. 

Ler Mais

Image

COMO ADQUIRIR UMA ATITUDE POSITIVA

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Um sábio disse: "Aprenda primeiro o que é mau para evitá-lo, e depois o que é bom para fazê-lo". 

A pergunta mais óbvia que se faz é: “por que é necessário primeiro aprender o que é mau"?

Toda boa atitude de um indivíduo é vulnerável e sensível a influências negativas com poder de destruí-la. 

Por exemplo: imagine uma pessoa esforçando-se para se comunicar com paciência e que não tenha refletido antes sobre como controlar sua ansiedade. Quando posta à prova, suas emoções negativas provavelmente irão abalar todo o trabalho que ela tiver feito para ser mais paciente. 

Vendo de outro ângulo, se primeiro ela conhecer e dominar suas emoções e tendências negativas, será mais fácil agir com calma, equilíbrio e, assim, com paciência. 

De modo geral, sempre que você conhecer as características negativas que prejudicam a sua boa conduta, saberá como evitá-las.

Por isso, saiba e mentalize que o segredo do sucesso em melhorar  qualquer uma das nossas características tem como primeiro passo a intenção resoluta de melhorar e depois, com humildade, conhecer e assumir a fraqueza que desejamos retificar na nossa personalidade. É um trabalho. É um esforço sério, mas que sempre produz como resultado um indivíduo melhor. 

Ler Mais

Image

EU QUERO ME DESENVOLVER

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Crescer ou desenvolver? O que é melhor? 

Parece pergunta sem sentido, já que as duas  palavras são próximas no uso comum,  inclusive no dicionário. Mas na prática, crescimento e desenvolvimento são coisas diferentes. 

Olhe para os lixões. Olhe para os aterros sanitários. Eles estão crescendo. Os cemitérios também. No entanto, Einstein, Beethoven e Leonardo da Vinci são exemplos de pessoas que se desenvolveram e continuaram a se desenvolver muito, mesmo depois que pararam de crescer. 

Crescer é aumentar o tamanho, o número. É quantitativo. 

Desenvolver é diferente. É qualitativo. É, por exemplo, aumentar a capacidade, melhorar a habilidade e o conteúdo, corrigir a rota para alcançar um alvo superior. De outro modo: desenvolver é aumentar o potencial do futuro, otimizar a  visão, e consequentemente, as realizações. 

Uma empresa cheia de dinheiro pode tornar-se mais rica do que já é, porém, não mais desenvolvida. Outra empresa, passando por dificuldades, não necessariamente é ou será menos desenvolvida. 

Um ser humano pode crescer demais. Uma empresa também pode. Mesmo assim, desenvolver é superior a crescer. 

Desenvolver é maior, é mais elevado e, por isso, mais saudável para a pessoa, para a empresa, para os colaboradores e para toda a sociedade.

Ler Mais

Image

A ESCOLHA DE QUE O SUCESSO DEPENDE

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude

O segredo da vida é: “não pare de respirar”. E o segredo de qualquer negócio é:  “tenha atitude  e faça acontecer”.

Toda empresa depende do trabalho conjugado de pessoas. 

Ideia se cria. Projeto se desenha. Dinheiro se capta. No entanto, juntar pessoas para fazer resultados é uma ciência oculta, reservada a poucos. Talvez seja uma arte.

Qualquer estagiário de RH contrata gente para trabalhar. Ele junta pessoas, treina-as e põe-nas para desempenhar atividades. Mas o que se vê quando a coisa para por aí é uma autêntica e quase insolvível confusão. 

O que falta para que isso dê certo? O complemento desse esforço consiste em conduzir as pessoas à percepção de que suas limitações pessoais só serão superadas através da cooperação mútua junto de seus colegas.  Isso é que irá transformar, enfim, o grupo numa equipe. 

Você se lembra de quantos grandes técnicos passaram pela seleção brasileira de futebol desde 2014, quando o Brasil  levou de 7 a 1 da Alemanha? Só recentemente vimos um técnico transformar aquele  grupo de bons jogadores individuais  improdutivos  numa equipe de resultados. O nome dele é Tite.

Surpreender o cliente, cumprir processos, respeitar data de entrega e, como consequência disso,  ver o cliente comprar novamente são alvos que só atinge quem tem uma equipe movida por paixão e responsabilidade. E isto não é, absolutamente, trabalho do RH. É desafio do gestor mediante diretrizes claras e missão perfeitamente alinhadas às funções de cada um e do grupo, como um todo. Ótimo. Mas quem está disposto a enfrentar um desafio desta magnitude? Não me admira o caos e o baixo nível de produtividade que se registram em quase todas as empresas brasileiras.
 

Ler Mais

Image

TER FOCO É A CHAVE

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude

Há quem consiga deixar tudo de lado e concentrar-se no que é mais importante. Muitos não conseguem, infelizmente. Passam grande parte do tempo – quando não o tempo todo –  preocupados  com milhões de coisas paralelas que roubam sua energia e potencial.

Concentração é uma das chaves para o sucesso e para resolver problemas. Para quem não sabe, o Raio Laser só é poderoso porque consiste em luz concentrada no mesmo sentido.

Um pianista dispersivo interpreta mal seu instrumento. Um bailarino sem foco em seus passos dança mal. O mesmo se dá com o cirurgião, com o fotógrafo ou com qualquer profissional naquilo que faz.

Um postulado da Psicologia diz: “Se uma preocupação ocupa a sua mente, nada irá concorrer com ela.”

Então, como conseguir melhorar o foco sobre o que é importante? Aqui vai um breve processo que, comprovadamente, poderá adicionar ótimos resultados para aqueles que o cumprirem  com persistência.

1º. Prepare-se mentalmente. Dê um propósito, uma razão forte para aquilo que é importante e merece a sua atenção. Mostre a você mesmo que, agora, isto é mais relevante do que tudo mais.

2º. Cuide do ambiente: refiro-me tanto ao ambiente externo quanto ao interno – o seu estado interior geral.

3º. Confie em Deus e confie em si mesmo.  Autoconfiança é a convicção de que você conseguirá superar os seus desafios. Quero dizer: acredite em si, na sua capacidade e na sua inteligência. E caso falte alguma habilidade, isto não é o fim do mundo – desde que você a supra com esforço.

Na minha simples e humilde opinião, viver é resolver problemas. A única coisa que não vale é morrer por eles.

Ler Mais

Image

O QUE PÕE UMA EMPRESA SOBRE OS TRILHOS DO SUCESSO

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Ter o foco e o cuidado de que a empresa necessita para se fortalecer é difícil. 

Permita-me explicar:

Quando os negócios estão difíceis, o gestor vê-se afetado por problemas demais. Então ele busca atividades extras para espairecer e desviar-se das preocupações – o que é justo.

Quando os negócios começam a melhorar, ele se sente bastante eficiente para também desempenhar atividades paralelas. (Conheço um desses que tinha enorme êxito na área de supermercados quando resolveu investir seus lucros no segmento de imóveis de luxo. Perdeu os dois negócios de modo trágico. Virou exemplo de mau gestor.)

Qualquer atividade consome energia e tempo. Aquela força boa que gera ideias, perde-se em ocupações superficiais como fumaça ao vento.  Mas quando concentrada sobre o assunto central, é sempre eficaz.

A verdade sobre isso é que, assim como o pai é responsável pelo filho até que ele esteja apto a cuidar de si mesmo e obter seu próprio sustento, uma empresa carece de seu dirigente em igual proporção, até que suas áreas, processos e gestão, em si, produzam a sustentabilidade para que ela prossiga sob a batuta de outros.  

Sem as diretrizes do pai, o filho se perde. Sem a presença e o direcionamento do empreendedor, dificilmente outro profissional – por mais competente – terá paixão, intuição e  senso na medida precisa para levar a empresa ao patamar de resultados requeridos para navegar  no oceano das oportunidades. Depois disso, tudo se torna delegável a quem reunir conhecimento e responsabilidade para prosseguir.

Para quem não sabe, o poder do raio laser consiste em luz concentrada no mesmo sentido. É foco, portanto. O tempo todo.

Ler Mais

Image

PARA ELEVAR A QUALIDADE

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Como elevar o padrão atual de qualidade da sua empresa? Invista em educação. Interna e contínua. Treinamentos. Grupos de estudo de livros que tenham a ver com o seu negócio. 

O resultado aparece. E dá para medir. 

Há empresas investindo em língua portuguesa para melhorar a comunicação. Ótimo! 

Pense nas vezes em que as pessoas lhe disseram ter compreendido uma instrução sua e não haviam entendido nada! 

E existem outros agravantes. 

A nossa sociedade condena veladamente as pessoas que dizem: “não sei” ou “não entendi”. Por isso, quase todo mundo finge ter entendido, quando na verdade está “boiando”.

Vai aqui uma experiência prática. Da próxima vez que você explicar uma tarefa a um funcionário, por exemplo, peça que ele diga com suas palavras o que entendeu. Por este caminho você não dependerá da sorte, mas terá tempo de reexplicar o comando de modo e salvar a situação.

Tente comunicar-se de modo positivo, sem provocações nem críticas, mas com didática. Nada de jogar com culpa. Isto semeia fraqueza e discórdia.

Confie mais e crie amplas condições de um ambiente de confiança. Demonstre isso às pessoas que à sua volta. Mas acima de tudo desenvolva conhecimento. Quanto mais você o fizer,  mais qualidade o seu grupo terá. E eles prosperarão ao status de equipe. E seguindo as suas orientações, farão de você, enfim, um líder de resultados.

Ler Mais

Image

FALE A VERDADE, MAS FALE BEM!

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Conheço pessoas que encaram opinião negativa sincera como ofensa ou grosseria. Não é.

O problema não está na opinião em si, mas no modo como se expressa.

É falta de honestidade dizer:

- “Está ótimo, mas.....” e abrir uma enxurrada de pontos negativos e observações que desdizem a parte do elogio. 

As conjunções adversativas: mas, porém, todavia, no entanto contradizem o que quer que tenha sido apresentado anteriormente. A gramática ensina que elas expressam ideia de contraste ou compensação.

Se não está bom, não está, oras!  De que adianta camulflar a opinião? É total falta de profissionalismo.

Toda situação requer franqueza, clareza e transparência.  

Por isso,  revelaria mais interesse e precisão aquele que dissesse: 

- “Gostei. Está ótimo!”. 

Ou 

- “Não gostei. Por favor, mude isso, isso e aquilo e ficará excelente!”.

Vou repetir: o problema não são as palavras, mas o modo de dizer, a expressão, a transmissão do sentimento junto daquilo que se diz.

O negativo comunicado com compaixão e interesse de melhoria é superior ao positivo falso ou dito para somente adular ou simples agrado!

Chega de querer ser “barra limpa” com todos. Seja autêntico. Seja honesto, sincero e franco. É o que o mundo inteiro espera de você.

Ler Mais

Image

SUCESSO NÃO SE EMPRESTA

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

O Adolfo  finalmente cedeu à pressão de seu cardiologista e inscreveu-se numa academia de ginástica.

Esta semana, ele pegou um dos monitores e disparou o protestos de cliente insatisfeito:

- “Olhe aqui, Professor. Faz três meses que eu me inscrevi. Paguei as mensalidades, vim  todo santo dia, mas ainda não perdi um só quilo”.

O monitor o questiona: 

- “Quais aulas o senhor frequenta?”

E o Adolfo:

- “Aulas? Eu não tenho tempo para aulas!”

- “Ah! Então o senhor tem malhado nos aparelhos?” – diz o monitor.

E o nosso amigo, gozador como é, declara:

- “Que nada! Eu me sento na lanchonete e enquanto tomo o meu café da manhã com suco de laranja e sanduíche,  leio o jornal e vejo o povo suar.”

O que tem de gente por aí  levando a vida nessa base...  é de arrepiar.

Olhe para o seu trabalho. Se você quer prosperar, é preciso “suar a camisa” e “carregar o pacote” de cada dia – seja qual for. Ninguém fará isto por você. Para que você produza, hoje e sempre, terá que envolver-se pessoalmente e comprometer-se com a causa. 

É como dizem os nossos irmãos portugueses: “Sabedoria emprestada não presta para nada!”

Ler Mais

Image

EPIFANIA

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude


O que você sabe sobre um termo bastante em uso ultimamente? Você o ouvirá em filmes, séries de tevê, textos de filosofia de negócios e outras situações. Estou falando de ‘epifania’.

Não entrarei no sentido religioso da palavra, mas em sua utilidade para o dia a dia, especialmente para pessoas que se interessam por falar a coisa certa no momento certo – que é o seu e o meu caso, não?

Epifania é uma súbita sensação de entendimento ou compreensão da essência de algo. Indica que alguém encontrou finalmente ‘a última peça do quebra-cabeça’ e agora pode ver a imagem no todo. De um modo simples: é quando um pensamento inspirador e iluminante acontece.

Na língua inglesa, você ouvirá alguém dizer: "I just had an epiphany", ou: “Eu acabo de ter uma epifania”, indicando que nesse instante ocorreu à pessoa um pensamento considerado único, de uma natureza quase sobrenatural.

E se você deseja aumentar as suas chances de viver não uma, mas várias epifanias, compartilho a experiência pessoal.

Eu aprendi com os meus acertos e erros – que são muitos – que nós somos o que pensamos. Desde então, mudei a mensagem interior da minha mente por algo constantemente energizante e inspirador. Abandonei a tendência ao negativo.  Foi difícil no começo, mas consegui.  

Um excelente começo consiste em  apreciar as coisas boas e positivas que tivemos ao longo da vida. Nem tudo foi bom, eu sei. Porém, os melhores momentos não servem só para deixar saudades, mas são grandes mestres para o tempo presente.

Adicione a isso a leitura de livros inspiradores, palestras –  há tantas excelentes no Youtube –, bons programas de tevê, rezar, conversar com pessoas sábias, tudo isso são engrenagens de um mesmo sistema que, juntas, produzirão uma pessoa melhor em cada um de nós – se fizermos disso um hábito. Em resumo, pare de sofrer com ideias negativas.

Pois bem. Agora que você já sabe o que é epifania, resta-me apenas  desejar que ela não falte a cada decisão que você desejar ou precisar tomar – seja na vida ou nos negócios.

Ler Mais

Image

A GRANDE MENTIRA DOS CURSOS DE LIDERANÇA

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude


Hoje cedo, alguém me ofereceu um folder sobre um curso de liderança que um ‘picareta’ qualquer dará na cidade.

Eu tenho vinte anos como consultor e a maior balela que já se criou, o maior engano contra qualquer empresa, foi a introdução do conceito de liderança na ‘cabecinha fraca’ de muitos funcionários e gerentes. Quando os pobres sonhadores ouvem falar na tal da liderança, imaginam algo que nem eles mesmos sabem o que é. Mas correm como formigas em busca de açúcar quando "marreteiros" chegam com com seus cursos caça-níqueis.

Empresa nenhuma precisa de líderes, e sim de gestores eficientes. 

Depois que o gerente acumula resultados a tal ponto que transforme seu ‘grupo de trabalho’ numa equipe cooperativa e que cumpra sua missão, então ele começou a dar os primeiros passos rumo à liderança. Primeiro ele se faz gestor pleno, e depois, o que vem depois, seja ou não liderança.

Ninguém é obrigado a chegar à líder no real sentido da palavra.

Curso de liderança é mentira. É falácia. Indivíduo algum se torna líder indo a um cursinho de fim de semana ou mesmo de um mês. Você conhece quem tenha conseguido? 

Liderança autêntica é resultado  mensurado e superação de fraquezas da personalidade. É vivência intensa, coerência, consistência, eficiência, eficácia e condução de pessoas com talento e maturidade. É um processo profundo e significativo de autoaperfeiçoamento com benefícios, primeiro, à organização, depois às pessoas, e por fim, e não necessariamente, ao próprio líder.

Ler Mais

Image

A RELATIVIDADE ESTÁ EM TUDO

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude

Tudo, realmente, é relativo. Mas frequentemente nós não consideramos  a relatividade das situações e julgamos de acordo com o nosso ponto de vista particular, como se fôssemos absolutos.

Um mecânico está desmontando o cabeçote do motor de uma moto, quando chega à oficina um famoso cirurgião cardiologista para tratar de um serviço em sua própria moto. 

Curioso pelo trabalho do mecânico, o médico o observa atento, quando o rapaz lhe diz:

- “Doutor? O senhor me permite fazer uma pergunta?" 

O cirurgião, surpreso, consente e lhe dá atenção. O mecânico então diz: 

- "Veja este motor. Eu o abro, tiro as válvulas, retifico as paredes, restauro, monto tudo, fecho e ele fica novinho. Porém, eu ganho bem menos do que o senhor consegue em uma única cirurgia. O nosso trabalho é praticamente o mesmo! Por que essa diferença?”

O cirurgião sorri, inclina-se e fala baixo para só o mecânico escutar: 

- "É fácil entender. Tente fazer tudo o que você disse com o motor funcionando!"

Conclusão: "Quando a gente pensa que sabe todas as respostas, vem a sabedoria da vida e muda todas as perguntas".

Ler Mais

Image

PROFISSIONALISMO É SERIEDADE

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude

- Um palhaço triste não atrai público ao circo. 

- Um juiz piadista  deixará dúvidas sobre suas decisões.

O valor de um profissional se constrói com conhecimento, coerência e seriedade. E isto se mostra através do comportamento, em qualquer ocasião.

Tenho visto gente que ocupa cargos importantes em empresas portando-se como crianças. Gastam seu tempo com brincadeiras, enviam e leem e-mails de piada no ambiente de trabalho, e vários outros absurdos.

A pergunta “por que fazem isso?” tem uma resposta. Pessoas com desvios de comportamento demonstram necessidade de se autoafirmar.  Por isso elas fazem tudo para atrair a atenção dos  demais.  E fazem qualquer coisa mesmo e tornam-se desprezíveis.

A verdade é que o modo particular de agir de cada um é mais importante do que o cumprimento de qualquer código de conduta escrito. 

Uma empresa resolveu o problema da espontaneidade mal educada de seus funcionários criando um sistema eficiente e objetivo de avaliação de desempenho. Eles passaram a mensurar o comportamento a fim de recompensar e punir em função da pontuação. 

A ideia  é interessante, ainda que difícil de implantar.   Porém, eu não abro mão do velho recurso da demissão sumária de  empregados e gestores que confundem colegas com familiares e o ambiente de trabalho com clube de campo. A razãoda minha política nada agradável de resolver o caso é que, mesmo não sendo laranjas, essa gente acaba “estragando” todos à sua volta. E isso basta como justificativa para afastá-los.

Ler Mais

Image

SEJA PREVENTIVO E PREVENIDO... EM TUDO!

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Conta-se a história de dois prisioneiros condenados à morte que já estavam há seis meses na prisão. No dia da execução, o tenente levou-os pelo corredor até o pátio onde tudo aconteceria. 

Foram conduzidos ao paredão, receberam um trago de bebida, o padre rezou e o tenente se colocou em prontidão para comandar os soldados: 

- “Pelotão! Apontar....” 

e então, surpreendentemente, naquele instante,  um dos prisioneiros vira-se para o outro e diz: 

- “Ei amigo. Preste atenção: tenho um plano fantástico para nós!”

Serei muito franco com você, querido leitor, querida leitora, como sempre sou. Sabe de uma coisa? Eu vejo “n” situações semelhantes e tão absurdas quanto esta em muitas empresas. Gestores resolvem agir sobre grandes problemas quando já não há mais nada a fazer. Eles não tiveram interesse e visão clara enquanto o mal se alastrava. Agora é tarde. Plano algum reverte ou muda a situação.

Morrer de diabetes ou hipertensão hoje em dia é pura falta de disciplina e de obediência ao tratamento médico, concorda? Quanto antes um diagnóstico for realizado, maior chance de cura haverá, desde que seguida a prescrição médica.

Boas consultorias são também assim. Quanto mais preventivas, melhor funcionam para o cliente que as seguir. Pois então, acorde logo para os problemas da sua vida e da sua empresa  porque  “marmelada na hora da morte, mata”.

Ler Mais