EPIDEMIA EMPRESARIAL

Image

Abraham Shapiro

As empresas vivem um sério problema epidêmico hoje em dia. 

Nas minhas consultorias tenho observado um mal que se alastra há anos, e as pessoas não percebem ser ele a raiz que as impede de se desenvolver como profissionais e, consequentemente, não entregar o que suas empresas esperam de seu trabalho. 

Eu encontro cem mil colaboradores iludidos e desejosos de se tornarem líderes, e quase nenhum gerente apto a apresentar um Plano de Ação que solucione problemas pela causa – seja para si mesmo , junto de sua equipe ou para sua área. 

Aqueles “aspirantes a líderes de coisa nenhuma” sequer sabem efetuar uma análise básica das situações mais corriqueiras, e o que os vemos fazer é atirar em todas as direções ou apenas “apagar incêndios” a toda hora.  Assim,  eles são senhores incompetentes para alcançar o que qualquer organização busca,  em duas palvras: resultado financeiro! Aliás, esta é a razão de tê-los contratado.

Este é o diagnóstico de 99% das empresas atuais e o porquê das dificuldades  que  raramente são solucionadas mesmo nos casos de atuarem em excelentes segmentos de negócios com mercado consumidor farto à sua volta. 

O que todo colaborador deve almejar para sua carreira não é liderança, mas capacitação em gerenciamento que se traduz em: conhecimento do método para alcançar as metas de seu trabalho e os de sua área ou equipe. 

Aqui fica a minha advertência. O problema das empresas – o problema da sua empresa, hoje –, não será resolvido por líderes sonhadores em ser heróis na vida dos subordinados ou protegendo-os contra o que chamam de “metas ousadas demais”, mas por gerentes – bons e eficientes gerentes de área e excelentes gerentes de si mesmos. Isso é o que supera impasses internos e deficiências de atuação no mercado.

Compartilhe esta publicação: