SUCESSÃO NÃO FAZ CLONES

Image

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude

Você deu estudo aos seus filhos? Ótimo. 

Comunicou princípios e valores? Excelente. 

Você tem uma empresa e o seu filho está trabalhando nela? Faltam duas ações para que ele se sinta atraído a ser o seu sucessor nos negócios.

A primeira é:  comunicar os seus segredos de negócio a ele. Falo daqueles pontos que talvez você nunca revelaria espontaneamente a alguém: como decidiu e resolveu problemas, escolhas frente aos dilemas, “pulos do gato”, truques para a sobrevivência nos momentos de crise etc.  

A segunda coisa é: permitir que o seu filho o observe de perto, e aprenda com as suas atitudes.

Acontece que você ou qualquer pai neste planeta jamais conseguirá ensinar lições teóricas aos filhos. Mas você e eu os veremos fazer tudo o que eles nos viram fazer.  

Para que o seu filho seja a sua continuidade, com sucesso, deixe-o ver você pensar, decidir, agir, errar e acertar. Certas coisas palavras não conseguem transmitir. Exemplos, sim.

O processo da sucessão empresarial não cria um clone. Mas desenvolve o talento de alguém que deverá subir sobre os ombros de um gigante a fim de olhar um horizonte mais longínquo do que o próprio gigante jamais conseguiu ver.

Compartilhe esta publicação: