Devo mudar de emprego?

Image

ABRAHAM SHAPIRO para o Portal Profissão Atitude

- “Eu deveria mudar de emprego?”

Muita gente me faz esta pergunta. Conhecendo o perfil médio das pessoas, eu costumo dar uma resposta padrão:

- “Não se demita sem antes tornar-se o melhor no que faz na empresa em que está. Depois disso, siga adiante”.

Se você sair por estar descontente, é provável que continue descontente em outro lugar. Isto vale para o trabalho e para a vida. No entanto, caso decidir ir embora quando superar as causas disso,  você será um vencedor e provavelmente irá vencer aonde quer que vá.

Por que você quer sair? Faça uma lista das razões – grandes e pequenas. Eu já observei que nunca há só um motivo. Sempre são vários: insatisfação com as condições de trabalho; ambiente; clientes descontentes com o produto – que por isso não vende; o chefe é um idiota, não treina e exige metas impossíveis; salário baixo etc.

Se a situação está insustentável, mesmo assim dê um tempo e elabore um plano para conseguir um emprego de que você goste e onde você se esforce com gosto. Trabalhar oito ou nove horas diárias num lugar detestável é uma das definições de inferno.

Finalmente, seja prático. Não jogue fora o seu potencial e a trajetória que você tem percorrido. Se for preciso mudar, faça da mudança a continuação de uma história de busca pelo sucesso planejado, e não um jogo de sorte.  Tenha fé em Deus e enquanto não for possível encontrar o lugar e a atividade que você ama, aprenda a amar aquilo que você tem. 

 
 

Compartilhe esta publicação: