COMO MELHORAR (MUITO) A VIDA COM O CONCEITO "MENOS É MAIS"

Image

ABRAHAM SHAPIRO para o Portal Profissão Atitude

Há vários anos, eu desenvolvo a atividade profissional de mentor e conselheiro de sucessores em empresas familiares, preparando-os para os desafios que certamente terão de enfrentar ao lado de seus pais e,  no futuro, em seu lugar.

Uma das coisas que mais chamam a minha atenção é quanto alguns deles se envergonham de declarar ou encarar suas limitações.

Ser limitado não é defeito. Todos nós o somos em algum aspecto particular.  

“Não tenho tempo...”

“Não tenho dinheiro...”

“Não tenho experiência suficiente.”

Sabe o que digo a eles?

- “Ei! Pare de choramingar. Nunca ouviu dizer que ‘menos é mais’? Encare as suas limitações como vantagens camulfladas. Recursos escassos ou limitados nos forçam a trabalhar com o que temos, e sem permissão para desperdícios.  As nossas restrições nos estimulam a ser criativos.”

Você sabia que as companhias aéreas em geral trabalham com diversos modelos de aeronaves? Só não a norteamericana Southwest. Ela utiliza apenas Boeings 737.  Com isso, todos seus pilotos, comissários de bordo e equipes de terra podem atuar em qualquer voo; os equipamentos e peças servem para todos aviões e muitas outras vantagens. Ou seja: os custos da Southwest são mais baixos e o negócio é mais fácil de gerir do que todas as outras empresas.

Menos é mais!

Agora falo a você, querido(a) leitor(a). Antes de começar com o mi-mi-mi do “não tenho isso, não tenho aquilo” ou “eu seria mais feliz e completo se tivesse tal e tal coisa”, pare  com a ladainha e trate de avaliar até onde você é capaz de chegar com exatamente aquilo que você já tem.

Compartilhe esta publicação: