O TREINAMENTO NA EMPRESA E SEU PROPÓSITO

Image

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude
 

Fala-se muito em ‘treinamento’ nas empresas. Há um grande risco de ser este mais um de tantos conceitos que a maioria das pessoas finge saber, mas está longe de dominar.

Treinar um funcionário é muito mais que transmitir conhecimento,  procedimentos ou dar uma palestra. É antes e acima de tudo, atuar com metodologia para que ele produza resultados. 

O propósito do treinamento é elevar o nível de desempenho do colaborador e fazê-lo sentir a motivação que nasce de saber ‘o que fazer’ e ‘como fazer’. 

A etapa seguinte – obrigatória e indispensável, diga-se – é a avaliação. Refiro-me a medir o aproveitamento por meio de uma  verificação adequada e objetiva – e não subjetiva.  Trata-se de conferir o nível de incorporação das práticas treinadas ao acervo mental do colaborador, respondendo à pergunta: “Ele adquiriu a habilidade que se desejava desenvolver através do treinamento?” 

Ao final do processo, ele deverá ser capaz de assumir, com domínio, as responsabilidades que a organização espera ou determina que assuma. 

Um treinamento bem direcionado dará ao gestor condições de dedicar-se às tarefas estratégicas e aos temas que fazem diferença em seu desempenho. Isto é quase impossível com uma equipe despreparada.  

Qualquer pessoa só terá aprendido o que quer que seja quando seu comportamento mudar em relação ao que foi ensinado. Sem mudança de atitude, o treinamento não foi efetivo. Talvez apenas um razoável meio de informação.

 

Compartilhe esta publicação: