DAR CARONA

Image

ABRAHAM SHAPIRO para o Blog Profissão Atitude

O conceito da carona surgiu com o objetivo de fazer com que duas ou mais pessoas que percorrAm trajetos iguais usem o mesmo veículo, dividindo os custos.  

Nesta relação existem dois personagens: o caronista – que usufrui da carona –, e o caroneiro: que faz a gentileza de compartilhar o carro. 

Dividir o espaço no carro para ir trabalhar ou estudar tem vantagens. Nas grandes cidades, os motoristas economizam gastos e reduzem o tráfego caótico. A solução oferece também ampla gama de benefícios. 

Assim sendo, por que muitas pessoas resistem à solidariedade da carona? 

Uma das respostas é a falta de educação dos caronistas. 

Eu mesmo pouquíssimas vezes vi caronistas educados. Quase sempre eles invertem os poderes e,  ao longo do tempo, o dono do veículo é quem se obriga a ser e a estar disponível, tornando-se quase um tipo de motorista particular.

Imagine, portanto, quantos outros problemas – ambientais, sociais, morais e de outras naturezas – advêm do baixo nível de educação das pessoas. De fato, é possível acreditar que o mundo seria um lugar muito melhor com ou pouco mais de humildade e gratidão.

Compartilhe esta publicação: